Notícias do Litoral do Paraná

Chamado de "Ataque mutante" torna-se é maior conquista de Tite em preparação da Seleção para a Copa América

     Em três anos à frente da seleção brasileira, Tite tem agora o grupo que lhe oferece mais alternativas ofensivas. Da goleada por 7x0 sobre Honduras, no último domingo, o melhor atestado foi a quantidade de variações de sistemas e posicionamentos dos jogadores de ataque.

A receita para compensar a ausência de Neymar, ao que parece, será a versatilidade. Elogiado por Tite depois do jogo, David Neres atuou dos dois lados durante o jogo do Beira-Rio. A seleção brasileira teve, ao longo dos mais de 90 minutos, três centroavantes. Todos fizeram gols enquanto jogavam de “9”: Gabriel Jesus, Firmino, que depois virou o meia da Seleção, e Richarlison, que começou na direita e depois foi centralizado. Em sua entrevista coletiva, Tite indicou que deve começar a Copa América, na sexta, contra a Bolívia, no Morumbi, com David Neres e Firmino ao lado de Richarlison no ataque, e Coutinho, de ótima atuação no Beira-Rio, como armador. O Brasil começou o jogo no 4-2-3-1, com David Neres e Richarlison bem abertos, e Coutinho posicionado mais adiantado, com liberdade entre as linhas de marcação hondurenhas. Tite explicou na entrevista que agora “faz a iniciação com seis, e não mais com sete”. Isso significa ter o meia mais próximo dos atacantes, como indica a foto abaixo.  Quando Allan substituiu Arthur, com uma pancada no joelho, muitas vezes se adiantou para receber a bola numa zona onde Paulinho, em sua melhor versão, era especialista. Com isso, Coutinho veio buscar jogo um pouco mais recuado. E a movimentação no ataque era intensa. No segundo tempo, Tite começou a variar o posicionamento de seus jogadores, principalmente quando Everton entrou no lugar de Coutinho e Richarlison passou a ser o centroavante. Firmino, recuado à função de camisa 10, repetiu Coutinho e se deslocou bastante do meio para a esquerda. Tecnicamente frágil e com um jogador expulso desde o primeiro tempo, Honduras não conseguiu frear as constantes trocas de posição. Cientes de que o grau de dificuldade aumentará gradativamente na Copa América, com Bolívia, Venezuela e Peru em sequência, e depois as quartas de final em caso de classificação, Tite e os jogadores se apoiam na imprevisibilidade do ataque para fazer bonito mesmo sem o maior craque.

 

Fonte: Ge

Vacinação preventiva contra Sarampo começa hoje em todo o ...

A partir desta quinta-feira (22), as crianças de seis meses a menores de 1 ano devem ser vacinadas contra o sarampo ...

Geral

Carro Clonado é Capturado Pela Polícia Militar em Guaratuba

      Na tarde desta segunda (19) após denuncia da Sec. de Segurança Pública de Guaratuba, os PM's abordaram um ...

Policial

Vereador Zé da Ecler tem mandato cassado após sessão que ...

Mesmo já tendo seu mandato extinto por ter faltado consecutivamente em 6 sessões extraordinárias conforme Decreto ...

Política

Mulher de vítima de sequestro em ônibus na Ponte ...

   A mulher de uma das vítimas que está dentro do ônibus que foi sequestrado e está parado na Ponte Rio-Niterói, na ...

Geral

Câmara de Matinhos decreta extinção do mandato do vereador ...

A Câmara Municipal de Matinhos, por meio da Mesa Diretiva, decretou, nesta segunda-feira (19), a extinção do mandato ...

Política

Em 2019 Justiça realiza 3.º júri popular de feminicídio em ...

       Os júris populares de crimes de feminicídio têm sido mais frequentes em Paranaguá. Somente neste ano, dois ...

Geral


 

 

 

 


 

 

 

 

Previsão do Tempo

 

booked.net