Notícias do Litoral do Paraná

Gol suspende operação de Boeings de mesmo modelo que caiu na Etiópia

A Gol suspendeu a operação de suas sete aeronaves Boeing 737 MAX 8 nesta segunda-feira (11), após um acidente envolvendo a queda de avião de mesmo modelo na Etiópia matar todas as 157 pessoas a bordo no domingo (10).

"Sendo Segurança o valor número um da GOL, que direciona absolutamente todas as iniciativas da empresa, a companhia informa que por liberalidade, a partir das 20:00 horas de hoje, suspenderá temporariamente as operações comerciais das suas aeronaves 737 Max 8", anunciou a companhia, em nota.

Mais cedo nesta segunda, o Procon-SP anunciou que pediria a suspensão imediata dos voos 737 MAX 8 da Gol. Segundo a entidade, o pedido visa prevenir a ocorrência de futuros acidentes, evitando colocar em risco a vida dos usuários do transporte aéreo. As ações da Gol fecharam em baixa de 1,21%.

O Boeing 737 MAX é a espinha dorsal da recente expansão internacional da Gol. Com 135 encomendas —dos modelos MAX 8 e 10—, a companhia é a única brasileira a operar essa versão atualizada do avião comercial mais vendido da história. 

A primeira unidade foi recebida pela Gol em junho de 2018. Atualmente, sete já estão em operação, basicamente em rotas internacionais. O plano da Gol era concluir até 2028 a renovação de toda sua frota dos atuais 737, fabricados nos anos 1990 e 2000.

Um Boeing 737 MAX 8 operado pela Ethiopian Airlines seguia para Nairóbi no domingo e caiu minutos depois de decolar de Addis Abeba. Em outubro do ano passado, o mesmo modelo, operado pela Lion Air, caiu na costa da Indonésia, matando as 189 pessoas que estavam no avião.

Após a coincidência entre os dois acidentes, o regulador da indústria de aviação da China (CAA) proibiu nesta segunda-feira voos de quase cem aeronaves Boeing 737 MAX 8 operadas pelas companhias aéreas na China. Autoridades da Indonésia e de Singapura fizeram o mesmo.

Na Argentina, a Aerolíneas Argentinas também anunciou a suspensão dos voos dos seus cinco modelos Boeing 737 MAX 8. 

Já o governo da Austrália suspendeu que aeronaves do modelo Boeing 737 MAX 8 voem para o país ou sobrevoem seu espaço aéreo.

O companhia aérea mexicana Aeromexico afirmou que deixaria de voar com seus seis MAX 8, cujos voos 
passariam a ser cobertos com o resto da frota.

A Gol informou que passageiros com viagens previstas no 737 MAX 8 serão comunicados e reacomodados em outros voos. Para mais informações, o telefone indicado é o 0800 704 0465.

A suspensão do 737 MAX 8 abre três opções economicamente difíceis para a Gol, já que seus atuais 737-800 não têm autonomia para fazer os voos de Brasília e Fortaleza para Miami e Orlando, nos EUA.

No cenário mais drástico, as rotas seriam suspensas. Para mantê-las, a Gol teria de optar por uma escala técnica em Manaus ou pelo arrendamento de aeronaves com o alcance necessário de voo.

A Latam recentemente se viu obrigada a arrendar Boeings 777 e 747 da espanhola Wamos Air para substituir os 787 que ficaram em solo em meio às apurações de falha nos motores Rolls-Royce.

Fonte Folha UOL

Divulgue essa notícia em suas Redes Sociais ou envie por E-mail

Veja fotos de como ficou a casa atingida pela ressaca em ...

  Uma forte ressaca atingiu no bairro Caierias em Guaratuba deixou uma casa destruída e outra parcialmente ...

Geral

Reintegração de posse pode deixar mais de 60 famílias sem ...

     Moradores do Bairro Eliane em Guaratuba foram notificados com uma ação de despejo, mais precisamente a ...

Geral

Morreu nesta segunda o ex-piloto de F1 Niki Lauda aos 70 ...

       O austríaco três vezes campeão mundial de Fórmula 1 Niki Lauda morreu nesta segunda-feira, aos 70 anos, em ...

Esportes

Forte Ressaca atinge residencia no Bairro de Caieiras em ...

Foto: Joeldir Albuquerque      Uma forte ressaca atingiu no litoral da região Sul teve efeitos em dois pontos de ...

Geral

PR-508 terá evento esportivo no domingo (19)

PR-508 terá evento esportivo no domingo (19) Fluxo de veículos na Alexandra-Matinhos seguirá em meia pista entre os ...

Esportes

304 Quilos de cocaína é encontrado em contêiner no Porto de ...

A Receita Federal apreendeu 304 quilos de cocaína em um contêiner no Porto de Paranaguá, no litoral do Paraná, na ...

Geral


 

 

 

 


 

 

 

 

Previsão do Tempo

 

booked.net